bio

Dabliu volta aos palcos em 2017

Depois de uma temporada vivendo em Londres, Dabliu retorna aos palcos em 2017 com seu show inédito “Ilha Desconhecida”. Seguindo repertório do disco homônimo lançado em 2015, Dabliu traz ao palco todo um trabalho de pesquisa nestes dois anos vivendo fora do país e absorvendo diversas influências. O contato do artista com os elementos eletrônicos e outros instrumentos musicais como a guitarra e o piano, traz um Dabliu renovado que levou a carga melancólica já conhecida em seu trabalho a um outro nível, ainda mais denso, inspirador e de infinitas possibilidades.

“Ilha Desconhecida”, segundo álbum solo do artista é, como nos trabalhos anteriores, um disco conceitual, para ser ouvido inteiro do começo ao fim e na sequência. Arranjos vocais, influência de sons eletronicamente processados, ritmos e instrumentos africanos e brasileiros formam uma camada sonora densa nos arranjos, destacando ainda mais sua poesia por trás da voz e das letras. Apelidado de “prata da casa” pelo jornal paranaense Gazeta do Povo, em 2012 Dabliu lançou seu primeiro disco solo, “Sobre os Ombros de Gigantes”, um disco de estreia lançado de maneira discreta, que lhe rendeu diversas resenhas em blogs importantes como Miojo Indie, MúsicaPavê, Escuto no Metrô, Jardim Elétrico, Regra dos Terços, Rádio UFSCar, e outros.

O relativo sucesso do álbum o fez tocar com artistas que admirava, receber elogios de veteranos da música como Carlos Careqa e fazer shows em diversas cidades do país. Diferente do primeiro álbum que tinha várias partipações especiais (Leo Fressato, criador do hit viral “Oração”, Érico Junqueira, da banda doyoulike?, além de diversos músicos convidados), “Ilha Desconhecida” é do começo ao fim um disco sobre isolamento, e faz por onde. De participação, apenas Gui Sales emprestou sua voz aos vocalises na última faixa, mas não assume qualquer vocal com letra. Dabliu explora arranjos vocais, e abre ainda mais sua poesia, tornando a doçura melancólica de outrora em pungência sonora visceral. A ousadia é aparente nos arranjos e nas letras.

Os dois álbuns e o EP “Quando Eu Tiver 70 Anos + Ela e o Vendaval” lançado em 2014, estão disponíveis para venda no Itunes, além das mais importantes plataformas de download digital e streaming (Apple Music, Deezer, Spotify, Rdio, UOL Megastore, etc.). O disco em versões física e digital conta com distribuição nacional pela Tratore.

http://www.dabliuoficial.com

contato: dabliuoficial@gmail.com

Painel 1

Ouça

 

 

 

Painel 2

Clipping

Clique aqui para baixar o presskit 2015-2016 (contendo fotos e releases de divulgação).

Melhores matérias 2015/2016:

Melhores matérias 2012-2014: